Como uma folha em branco

O surgimento do Janeiro Branco traz consigo as reflexões novamente para a Saúde
Mental, assim como o Setembro Amarelo.

Contudo, as representações em forma de cores nomeadas a um mês tornam ainda mais
chamativo e curioso a nomenclatura.

O Janeiro Branco surgiu em 2014 através de psicólogos de Minas Gerais com o objetivo de
convidar as pessoas a refletirem sobre a importância e a promoção da conscientização da
saúde mental.

O Branco que acompanha o mês, se refere ao início de um ano e tantas possibilidades de
escreverem suas histórias e experiencias, idealização de metas, projetos baseados em algo
cultural aproveitando a simbologia do Ano Novo.

Entretanto procura por uma mudança e de sensibilização de serviços públicos, mídias,
instituições públicas e privadas, iniciativas socioculturais entre outras.

Portanto, assim como este projeto traz consigo a importância da saúde mental, trazemos
algumas iniciativas de como podemos mudar e moldar para melhorar nossa saúde psíquica:

1. Mudança de Hábitos: Reflita hábitos antigos e que lhe geram algum mal estar.

2. Mudança de pensamentos: Pensamentos negativos tendem a gerar mal estar.

3. Se permita relaxar: Precisamos recarregar as energias para realizar ainda mais coisas.

4. Atividades físicas: Ajudam a distrair e é ótima alternativa para produção de serotonina
e endorfina (sensação de bem estar e redução do estresse/ansiedade).

5. Lembrando sempre que é de extrema importância a ajuda de um Psicólogo.

Portanto, qual será a sua história de 2021?

Ana Victória Pereira Brito

IPECS

https://ipecs.com.br

Voltado para o ensino, pesquisa e assistência nas áreas de psicologia e educação, o IPECS – Instituto de Psicologia, Educação, Comportamento e Saúde, destaca-se no ensino da Neuropsicologia Clínica, da Psicologia Clínica com enfoque na abordagem cognitivo-comportamental e na psicologia da saúde. Nossos profissionais são altamente qualificados (livre-docentes, mestres e doutores), considerados referências nacionais em seus campos de pesquisa.

Deixe uma resposta