Transtorno de Personalidade Borderline


Borderline…
Você já deve ter ouvido esse nome em algum lugar. Seja através de um amigo, conhecido, parente ou até mesmo na mídia, já que diversas celebridades admitiram sofrer com esse transtorno mental.

O que é importante entender: a personalidade de uma pessoa é um padrão persistente de comportamentos que serão observados nas mais diversas situações e relações.
Ou seja, os transtornos de personalidade não são “episódicos”, e sim um padrão contínuo de funcionamento.

Algumas características do T.P. Borderline:

Oscilações bruscas de humor;
Alta instabilidade em suas relações (namoros, amizades, familiares, etc);
Sensação de vazio crônico, de abandono;
Baixa tolerância as frustrações;
Tendência a impulsividade (gastos, sexo, abuso de substância,etc);
Recorrência de comportamentos autolesivos (automutilação ou tentativas de suicídio).

A vida da pessoa é uma “montanha russa”.

O tratamento visa minimizar o sofrimento do indivíduo, reduzir os prejuízos causados pelo transtorno e prevenir o suicídio.

Esse post não tem como objetivo fornecer ferramentas para diagnóstico. Para isso, procure um psiquiatra.

#saudemental #psiquiatra #psiquiatria #psicologia #transtornodepersonalidadeborderline #borderline #saojosedoriopreto #riopreto

Autoria: Dra Nicole de Oliveira Mazzeto – médica psiquiatra

IPECS

https://ipecs.com.br

Voltado para o ensino, pesquisa e assistência nas áreas de psicologia e educação, o IPECS – Instituto de Psicologia, Educação, Comportamento e Saúde, destaca-se no ensino da Neuropsicologia Clínica, da Psicologia Clínica com enfoque na abordagem cognitivo-comportamental e na psicologia da saúde. Nossos profissionais são altamente qualificados (livre-docentes, mestres e doutores), considerados referências nacionais em seus campos de pesquisa.

Deixe uma resposta